Atenção! Este produto de investimento destina-se apenas a investidores profissionais. Não há garantia de capital e o desempenho não é garantido.

Para aceder a esta informação, confirme que é um investidor profissional.
Um cliente profissional é um cliente que possui a experiência, os conhecimentos e a competência para tomar as suas próprias decisões de investimento e avaliar corretamente os riscos envolvidos. Certifique-se de que é um investidor profissional, consultando o artigo L. 533-16 do Código Monetário e Financeiro francês.
As informações disponíveis no sítio não constituem uma oferta de subscrição ou uma recomendação personalizada. O Younited Credit não poderá ser responsabilizado na sequência da consulta destas informações.

One to One Monaco x Younited: O financiamento integrado: um instrumento para a revolução do comércio eletrónico!

Retalho
Conferência
Geoffroy Guigou Keynote One to one Monaco 2021 scaled
revenir ref

One to One Monaco x Younited

lieu Monaco

O financiamento integrado já participa na transformação do comércio, em particular o comércio digital: permite aumentar as vendas e propor percursos do cliente otimizados que incentivam os consumidores a regressarem aos seus websites de comércio eletrónico preferidos.

No futuro, o financiamento integrado permitirá propor novos meios de pagamento utilizando dados bancários graças à DSP2 ou reforçar a responsabilidade social das empresas, em particular através de mecanismos de futura retoma de bens usados integrados nos percursos de compra. Este financiamento integrado reduz as fronteiras entre as instituições financeiras e os comerciantes, cujas atividades são cada vez próximas.

Ver a repetição

Geoffroy Guigou, cofundador da Younited, apresenta as tendências em matéria de financiamento integrado, um instrumento para a revolução do comércio eletrónico.

O 5.º P do mix de marketing

De acordo com um estudo de Roland Berger, os clientes estão dispostos a pagar mais 15% por um nível de serviço superior. Isto significa que as marcas devem responder a expetativas mais elevadas, duas das quais se tornaram essenciais: a personalização do serviço e a fluidez. Contudo, o pagamento está no centro destas questões. Se esta etapa for enfadonha, o comprador desiste mais rapidamente do seu carrinho de compras. Por outro lado, o sucesso da subscrição, um sistema simples e fluido, mostra-nos que é possível, através do pagamento, conhecer melhor o cliente, propor-lhe serviços personalizados e, no final, fidelizá-lo a longo prazo.

 

Facilitar o percurso de compra para acelerar o crescimento

Mas, na verdade, o pagamento é muito mais do que a fase obrigatória que tentamos tornar invisível. Várias marcas conseguiram transformá-la numa alavanca de criação de valor, integrando-a mais harmoniosamente no percurso de compra e complementando-a com serviços adicionais, oferecendo assim um verdadeiro valor acrescentado aos seus clientes.

Novas responsabilidades para as marcas

O pagamento representa um incrível campo de inovações. Mas, como tal, abre o caminho a novos desafios. O primeiro é o da transformação das atividades num contexto em que os desenvolvimentos tecnológicos acelerados favorecem a confusão de géneros. Embora os intervenientes do pagamento se tornem cada vez mais fornecedores de leads, os comerciantes também assistem a uma evolução do seu roteiro. Pela força das circunstâncias, será que não se tornaram também intervenientes do pagamento? Esta mudança traz um segundo e não menos importante desafio: manter uma relação equilibrada e virtuosa com o consumidor. Se o comerciante propõe facilidades de financiamento, então não pode fugir a determinadas responsabilidades, nomeadamente, averiguar a solvabilidade do cliente e encontrar o delicado equilíbrio entre o aumento da conversão e o consumo razoável.

A reter

O financiamento integrado, ou seja, a combinação transparente de serviços financeiros tradicionais com serviços não financeiros, corresponde, de facto, a uma forte procura por parte dos consumidores. Estes serviços podem incluir, por exemplo, contas de transação, carteiras, empréstimos e pagamentos. Graças ao financiamento integrado, as empresas visam atrair e fidelizar clientes, ao mesmo tempo que lhes prestam serviços financeiros mais rápidos e sem complicações. Daqui a 2030, este setor muito promissor representará um mercado global de mais de 7000 mil milhões de dólares. Também é, para o comerciante, uma alavanca de crescimento que abre grandes oportunidades… e novas responsabilidades.